Miguel Calmon: Cidadão reclama de fechamento da creche Heraldo Rocha no Alto da Colina

Publicado em 11/05/2018 às 15:57h

Veja abaixo o relato

"Início da vida estudantil".


"Todo início estudantil de uma criança que logo logo se tornará um adulto, passa por uma creche e ali começará sua trajetória escolar.
Portanto, venho chamar a atenção do poder público municipal para o fechamento da creche Heraldo Rocha, que fica no bairro Alto da Colina e tendo seus alunos transferidos para a escola Canabrava no Bairro da Lagoinha, já presenciei relatos de várias mães reclamando da distância, o perigo da escola ficar próxima a pista e em reunião com os pais ficou um pedido dos mesmos para a gestão municipal colocar um ônibus pra pegar os alunos que mora mais distante, por exemplo: na rua da Lagoa, bairro nordestina e baixa Grande, e até o presente momento ainda não houve resposta.

Estou chamando atenção por ser morador do bairro, ex-aluno e pai de aluno da creche Heraldo Rocha, e só lembrando que nosso bairro Alto da Colina é uma comunidade que não temos uma quadra, um campo de futebol e nenhuma área de lazer que pudesse ser atrativos para nossas crianças, jovens e adultos.

Esperávamos todos os pais e mães que fosse essa transferência por um período curto porque esperávamos uma reforma da nossa creche Heraldo Rocha e tambem não quero ver nossa creche se tornar mais um almoxarifado Municipal, é o que vejo é ficar cada vez mais um órgão abandonado".

 

Att: Róbson Barbosa dos Santos, cidadão calmonense, Morador do bairro Alto da Colina, ex aluno da creche e pai de aluno.

 

 


RESPOSTA DO PODER PÚBLICO

O Calmon Noticias falou com a secretária de educação do município, Srª Cristiane dos Anjos nos relatou que a decisão do remanejamento dos alunos da Creche Heraldo Rocha para a escola Canabrava, se deu em virtude de a referida creche não está mais comportando os alunos e não ter espaço para as crianças brincarem. De acordo com a secretária, a decisão foi tomada junto aos pais em reunião e registrado em ATA.
Sobre a questão do ônibus, a secretária informou que compete ao municipio dispôr ônibus apenas em areas distantes 2 km da sede da escola, isso em zona rural, e que em se tratando da zona urbana, não seria obrigatório.
"Ultimamente temos recebido elogios dos pais, lá (na escola Canabrava) tem muito espaço para as crianças brincarem, a area é muito grande, tem portão e fica trancado, então não ha riscos de a criança sair para a rua. A secretaria está a disposição para quaisquer esclarecimentos". Pontuou a secretária.


Da redação/Calmon Notícias

Publicidade

Topo